Em estudo…

Diariamente, os órgãos de Saúde atualizam os dados da Covid-19. São novos pacientes confirmados, casos que aguardam o resultado, notificações descartadas, pessoas que se curaram e milhares que não resistiram. Desde o seu aparecimento, o novo coronavírus (SARS-CoV-2) desafia a medicina e provoca uma corrida contra o tempo em busca de vacina.

Com sintomas leves, como dor de cabeça, tosse, dor no corpo, constipação até uma pneumonia viral grave com insuficiência respiratória, a Covid-19, como é chamada, preocupa as autoridades principalmente quando o assunto é leito hospitalar, tanto de UTI como de enfermaria.

Quando se manifesta de forma mais leve, o paciente pode ser tratado em casa em isolamento domiciliar. Porém, ao apresentar sintomas mais graves são necessários cuidados especializados em uma unidade hospitalar.

Identificar onde estão esses pacientes é fundamental para entender como o vírus se comporta e quais medidas devem ser adotadas para reduzir a contaminação. Neste sentido, a 20ª Regional de Saúde realiza um estudo com o intuito de localizar todos os pacientes suspeitos da Covid-19 que estão no Sistema Único de Saúde (SUS) e na rede privada e conveniada. O objetivo do Censo Covid é acompanhar a evolução da doença através dos pacientes internados e orientar os municípios quantos aos protocolos.

O estudo é uma nova ferramenta que possibilita a medicina dar mais um passo na luta contra a doença. Sem bibliografias sobre o assunto, a Covid-19 desafia os profissionais de saúde a cada dia em uma dura batalha contra o tempo e a favor da vida.

Enquanto isso, o papel de cada cidadão é muito claro e específico. Ou ao menos deveria ser. Os cuidados com a higiene e o distanciamento social são fundamentais para não entrar nas estatísticas. Só assim será possível reduzir os índices de confirmado e aliviar o sistema de saúde. Outra orientação é: quando sair de casa, use máscara. A máscara deixou de ser um item do profissional de Saúde e tornou-se um acessório para toda a sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *