Crianças, jovens e adultos têm saúde dos olhos comprometida por conta da tecnologia

0 293

Dados do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) mostram que cresceu 70% o número pacientes de 0 a 19 anos com problemas de miopia, nos últimos quatro anos.  Sete em cada dez médicos atribuem o uso de celulares a patologia no público citado. O médico oftalmologista do Pilar Hospital, Leon Grupennmacher, explica que o problema tende a agravar em razão das crianças e adolescentes passarem mais tempo no quarto, dentro de casa, do que em ambientes externos e expostos a luz natural. “A exposição a luz natural, a luz do sol, a leitura de livros, revistas, tudo isso é saudável para os olhos, em países como Japão, as escolas têm uma programação para que as crianças brinquem, façam atividades, se relacionem em ambientes externos, justamente para prevenir os problemas causados pela luz das telas”, explicou o médico.

O oftalmologista explica que a luz das telas do celular faz com que o olho se altere diante da emissão da claridade e é isso que causa problemas como o da miopia. “O que acontece, é que ao utilizar as telas, nós temos um aumento do comprimento do olho. A miopia ocorre justamente quando o olho cresce excessivamente em relação ao seu comprimento axial, o que pode levar à visão embaçada de objetos distantes”, explicou o médico.

Síndrome do PC

Já entre os adultos o problema é laboral e está relacionado ao uso do computador. Segundo o Conselho Brasileiro de Oftalmologia, estima-se que entre 70% e 90% dos brasileiros que utilizam computador sofram da chamada Síndrome do PC. Entre os principais sintomas relatados pelas pessoas acometidas pela síndrome estão: fadiga ocular, visão borrada, ressecamento ocular e cefaleia. “O que acontece é que ao utilizar as telas, como também é o caso dos computadores, nós fixamos o olhar. Normalmente, nós piscamos várias vezes por segundo, entretanto, quando a gente fixa o olhar, piscamos 40% menos que o normal. Com essa diminuição do movimento a lágrima não é distribuída”, alerta o médico.

Grupennmacher conta que a lágrima tem função de lubrificar o olho e deixar a superfície ocular lisa, transparente, para que os raios passem, deixando a visão melhor. “Se não se tem essa lágrima, consequentemente, não se tem uma visão nítida. Por isso, não se deve ficar muito tempo em frente à tela”, revelou o especialista.

Metade do mundo sofrerá de miopia

A exposição frequente a luz das telas de computadores, notebooks, PCs, tablets e outros equipamentos eletrônicos. Segundo a Organização Mundial de Saúde, até 2050, metade da população mundial sofrerá de miopia. Dados da OMS mostram ainda que 59 milhões de brasileiros sofrem de miopia.  “Nos últimos anos descobriu-se um aumento no número de míopes no mundo. Uma pesquisa na Ásia indicou a relação entre a luz das telas e esse aumento e o dado se confirmou no restante do mundo. A tendência é de que cada vez mais pessoas desenvolvam a miopia em razão do uso excessivo de smartphones, tablets e outros equipamentos com tela”, concluiu o médico.

Deixe um comentário