Dallas Mavericks atropela Boston Celtics e força jogo cinco na final

0 48

A vitória avassaladora do Dallas Mavericks sobre o Boston Celtics por 122 a 84 forçou um retorno ao TD Garden para a disputa do jogo cinco das finais da NBA. Sem grandes dificuldades, Dallas impôs o seu jogo e forçou Joe Mazzulla a retirar seu time titular de quadra antes mesmo do final do terceiro quarto.

Kristaps Porzings esteve no banco dos visitantes após ser listado como disponível na lista de lesões pré-jogo, mas não chegou a entrar nem por um segundo e foi poupado em vista o restante da série.

+ Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Boston Celtics 84 x 122 Dallas Mavericks

A partida começou com um Dallas igualmente focado e intenso na defesa como no jogo três, mas contou com uma diferença crucial de todos os outros jogos: o ataque. Apesar de o jogo ainda ficar totalmente centrado nas mãos de Luka e Kyrie, o restante da equipe do Texas apareceu para ajudar as estrelas. O novato Dereck Lively teve seu melhor quarto nas finais com um desempenho incrível. Além de anotar sua primeira bola de três na NBA, após ter errado suas duas tentativas anteriores, ainda na fase regular, o pivô teve 3 rebotes ofensivos e foi crucial para o domínio avassalador que não deu chances para Boston se manter competitivo.

No segundo quarto foi a vez de Dante Exum mostrar que também tinha a contribuir para a equipe. Como um terceiro carregador de bola, o australiano tirou o peso da armação estar 100% nas mãos da dupla de estrelas além de anotar pontos cruciais para frear qualquer tipo de reação de Boston. O quarto foi péssimo para o Celtics: com 14 pontos, a equipe como um todo anotou apenas 2 pontos a mais que Luka. O domínio de Dallas foi tão grande que, até o intervalo, a dupla Kyrie e Luka havia anotado mais pontos que todos os jogadores de Boston. Com grande noite, os Mavericks levaram o jogo para o segundo tempo com uma vantagem de 26 pontos.

Maxi Kleber’s 3 caps an impressive 1st half for the Mavs in Game 4

Dallas leads 61-35 at the break on ABC. pic.twitter.com/5qgJcLruVZ

— NBA (@NBA) June 15, 2024

E o jogo não mudou em nada no terceiro quarto, com o Dallas em grande noite e os Celtas sem respostas dos dois lados da quadra. Dessa vez, foi a vez de Kyrie tomar a responsabilidade e comandar a equipe com infiltrações para cima de quem fosse o armador e levou a equipe a quase 40 pontos de vantagem. Sem perspectiva de reviravolta, Joe Mazzulla retirou os titulares de quadra ainda com 3:18 minutos, após uma bela enterrada de Derick Lively numa infiltração na defesa.

Apesar de ter apenas os jogadores de fundo de rotação e os bancários que quase não entram em quadra, Dallas continuou com o domínio absoluto sobre os Celtics com um grande quarto de Tim Hardaway Jr., que igualou Ray Allen e Stephen Curry como um dos três jogadores a anotarem 5 ou mais bolas do perímetro em um único quarto de finais da NBA. E em mais um quarto de superioridade em todos os quesitos em quadra, o Dallas Mavericks atropelou o Boston Celtics e forçou o jogo cinco da série.

LIVELY II WITH TWO HANDS

Dirk and the Dallas faithful are loving it!

Game 4 on ABC pic.twitter.com/D5H75lZx7d

— NBA (@NBA) June 15, 2024

Destaques

Após grandes críticas a sua capacidade defensiva no jogo três da série, Luka Doncic mostrou o porquê é tratado como uma das maiores promessas dos últimos anos: além de cestinha da partida com 29 pontos, 5 rebotes e 5 assistências, os jogadores marcados pelo esloveno no jogo acertaram apenas 2 arremessos em 9 tentativas.

Kyrie voltou pra mais um grande jogo, dessa vez com 21 pontos e 6 assistências, juntamente do novato Dereck Lively, que garantiu mais um duplo duplo com 11 pontos e 12 rebotes, sendo 7 ofensivos.

Por Boston, Jayson Tatum não teve uma noite péssima e anotou 15 pontos em 40% de aproveitamento, mas teve apenas o gatilho Sam Hauser, com 14 pontos, como ajuda na noite.

Deixe um comentário