Itaipu Binacional firma convênio com a Associação Um Chute para o Futuro

0 250

Na quarta-feira (31), a Associação Um Chute para o Futuro representou os mais de 30 projetos apoiados pela Itaipu em Foz do Iguaçu (PR), no encontro que celebrou a marca de R$ 1,3 bilhão investidos pela empresa no município. 

O diretor-geral brasileiro da Itaipu, Enio Verri, e o presidente da Associação, Ronaldo Cáceres, fizeram a assinatura simbólica um convênio de R$ 5.051.184,98 para prevenir situações de vulnerabilidade de crianças e adolescentes em situação de risco através de atividades esportivas, culturais, de lazer e fortalecimento de vínculos familiares e comunitários.

É a primeira vez que o Um Chute para o Futuro tem convênio com Itaipu. A parceria inédita tem duração de cinco anos e, a cada ano, será feito o repasse de aproximadamente R$ 1 milhão. Serão beneficiadas diretamente pelo menos 1.000 crianças e seus familiares dos bairros Porto Belo, Jupira, Jardim Itaipu e Três Lagoas. Em 2023, a instituição recebeu uma ação pontual do Programa Força Voluntária, formado pelos empregados da binacional.

Fundado por Ronaldo Cáceres, o projeto Um Chute para o Futuro busca oferecer oportunidades a crianças carentes desde 2005. Começando com recursos próprios e doações, o projeto cresceu, motivando voluntários e promovendo atividades esportivas para alcançar as crianças. Atualmente, a Instituição atende diariamente cerca de 400 crianças e adolescentes de idade entre 6 e 17 anos, em horário de contraturno escolar, com atividades variadas de esportes, cultura, reforço escolar, lazer e com alimentação em horários específicos. Com o apoio da Itaipu, o número de atendidos deve triplicar. 

“É a realização de um sonho. Há quase 19 anos esperamos por essa bênção e hoje, como eu sempre falei, a Itaipu não só gera energia, mas ela gera sonhos. E está realizando o sonho de uma comunidade que tanto esperou e terá tanta dignidade”, disse Cáceres.

Os jovens recebem acompanhamento pedagógico e psicossocial, bem como recebem visitas domiciliares, entre outras ações voltadas ao trabalho psicossocial.

O diretor-geral brasileiro da Itaipu, Enio Verri, falou que a expectativa é ampliar cada vez mais ações como essa. “Nosso objetivo é fortalecer esse laço com Foz do Iguaçu. Reconhecemos que a existência da Itaipu trouxe bônus para a cidade, mas também trouxe ônus para a comunidade, e o mínimo que podemos fazer é agradecer a população, investindo nela”.

Projeto

A Associação Um Chute Para o Futuro é uma Associação Civil, com personalidade de pessoa jurídica de direito privado, sem finalidades econômicas, laica, sem cunho político-partidário, de caráter assistencial, educacional, cultural, filantrópico e de estudos e pesquisa. 

A iniciativa surgiu da convivência de Ronaldo Cáceres com os moradores do bairro Porto Belo, onde ele cresceu. Cáceres enfrentou muitas dificuldades na infância. Quando perdeu o irmão, que era usuário de drogas, decidiu fazer algo para salvar outras pessoas do caminho das drogas.

Hoje, o Chute para o Futuro está instalado em um espaço cedido em comodato. Em 2014, o projeto foi escolhido pelo quadro “Um por todos e todos por um”, do Programa Caldeirão do Huck, da Rede Globo, para receber uma reforma em sua sede. Com isso, a sede foi revitalizada e transformada com as adequações necessárias para melhorar o atendimento aos jovens. Em 2015, o projeto se transformou em Associação, melhorando ainda mais os atendimentos às crianças, pois passou a ter acesso a fontes de recursos financeiros através de editais de fomento públicos ou privados. 

Deixe um comentário