Relator diz que Lira deve pautar PL do IR quando ‘consenso estiver construído’

O relator do projeto de reforma do Imposto de Renda, Celso Sabino (PSDB-PA), disse que o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), colocará o texto em votação assim que houver “consenso”. Sabino ressaltou que as mudanças deverão ser aprovadas ainda neste ano, para que possam valer em 2022.

“Precisa ser bem esclarecido, vai passar pelo crivo das bancadas da Câmara. A Câmara entende a importância do projeto e que ele precisa ser amplamente discutido. No primeiro momento que o consenso estiver construído, o presidente coloca para votar”, garantiu.

Sabino participou de uma reunião com líderes para apresentar uma versão prévia de seu relatório, que foi antecipada pelo Broadcast mais cedo. Segundo o deputado, os líderes receberam muito bem as propostas.

Entre as ações do projeto, está a taxação de auxílios-moradia e transporte de servidores públicos, incluindo juízes e parlamentares.

O líder do Novo na Câmara, deputado Vinicius Poit (SP), elogiou a proposta de Sabino e disse que ele conseguiu trazer um texto mais próximo do que o País precisa. “O sentimento na reunião de líderes é que agora essa proposta vai andar muito mais rápido”, disse ele sobre a apresentação do parecer feita momentos antes aos líderes da Câmara.