Juiz federal vistoria recursos aplicados no Projeto Renascer

0 104

O juiz federal Gustavo Chies Cignachi, da Justiça Federal de Guaíra, esteve no dia 30 de novembro em Marechal Cândido Rondon. Inicialmente, o juiz compareceu à Secretaria Municipal de Mobilidade, na prefeitura, para vistoriar a correta aplicação de recursos na compra de equipamentos, que em âmbito municipal são utilizados pelo projeto Renascer.

O objetivo da visita foi fiscalizar os recursos que a Vara Federal recentemente distribuiu para entidades, órgãos públicos e grupos sociais. Na sequência, o juiz federal se dirigiu até a área utilizada pela Secretaria Municipal de Mobilidade, situada no parque de exposições, para conferir a destinação dos recursos que a pasta recebeu e em seguida aplicou na compra de equipamentos.

RENASCER – O Projeto Renascer, além do cumprimento da pena, visa possibilitar aos apenados a inserção na comunidade e uma vida tranquila. O município recebe apenados da comarca, que também abrange Entre Rios do Oeste, Mercedes, Nova Santa Rosa, Pato Bragado e Quatro Pontes. Esse pessoal está alocado para prestar serviços à comunidade em determinados lugares.

De acordo com o secretário municipal de Mobilidade, coronel Welyngton Alves da Rosa, no dia a dia se somaram instituições como Unioeste, escolas municipais, entre outras, solicitando a designação de apenados para a realização de tarefas, como serviços de limpeza em geral, solda e restauração de placas, pintura de sinalização viária, instalação de tachinhas, tachões e placas.

CONTRAPARTIDA – Com a aplicação das multas a pessoas físicas e empresas, a Justiça Federal efetua a contribuição financeira para entidades que prestam serviços à comunidade, e a Secretaria Municipal de Mobilidade é uma delas.

“Através do projeto, recebemos R$ 60.000,00 e adquirimos esmerilhadeira, compressor, máquina de solda, torno de bancada, curvador de cano/ferro e furadeira de bancada, serra motopoda, morças, além de equipamentos de proteção individual, como máscara de soldas, lixas, entre outros”, detalhou o coronel Welyngton.

Estiveram presentes à fiscalização, o secretário municipal de Mobilidade, coronel Welyngton Alves da Rosa, o juiz federal Gustavo Chies Cignachi, o diretor de Secretaria da 1ª Vara Federal de Guaíra, Vinícius Saggin Camillo, além de Adriane Kappes Vorpagel, diretora da Secretaria Municipal de Mobilidade, e de Anilson Nazaré, diretor de Departamento, e o presidente do CONSEG (Conselho Comunitário de Segurança), Marcos Carlton.

MARECHAL CÂNDIDO RONDON

Deixe um comentário