Manifestantes fazem atos contra Bolsonaro na Alemanha

rotestos contra o presidente Jair Bolsonaro também foram registrados neste sábado, 3, no exterior, assim como nas duas edições anteriores de atos.

Em Berlim, na Alemanha, dezenas de manifestantes se reuniram no Portão de Brandemburgo. Segundo informou a agência de notícias Deutsche Welle em sua conta brasileira no Twitter, eles criticaram a gestão da pandemia no Brasil e pediram o impeachment de Bolsonaro, além de denunciarem a violência contra os povos indígenas. Cartazes também lembravam a vereadora Marielle Franco, assassinada em 2018.

Além da capital alemã, também foram registrados atos em Munique e Viena.