Rota da Fé do projeto Caminhos do Iguaçu em Medianeira recebe 100% da sinalização rústica

0 191

A Adetur Cataratas e Caminhos, juntamente com voluntários, gestores de turismo, associados da iniciativa privada, representantes do ICMBIO e com o apoio da Rede Brasileira de Trilhas realizou na última terça-feira (12) a implantação de 100% da sinalização rústica no trecho de 36 quilômetros da Rota da Fé do projeto Caminhos do Iguaçu, em Medianeira. Em breve, o município receberá as placas de sinalização turística, identificando e direcionando os principais atrativos e empreendimentos deste trecho. A ação contou com as orientações do consultor técnico do Caminhos do Iguaçu e representante da Rede Brasileira de Trilhas, Erick Caldas Xavier.

A Rota da Fé em Medianeira possui 36 quilômetros e compreende desde a Ponte Molhada, na divisa com Missal, próxima ao distrito de Maralúcia e segue até a comunidade de Linha Dourado, divisa com Serranópolis do Iguaçu. A sinalização é em ambos sentidos, tanto norte, quanto sul. A Rota da Fé contempla o turismo religioso de Medianeira, valorizando monumentos religiosos, como o Morro da Salete, igrejas, grutas, priorizando também o turismo rural, os recantos, restaurantes, rios e muita natureza.

De acordo com a coordenadora técnica da Adetur, Sara Fernanda de Moraes, o projeto irá conectar todos os municípios da região de abrangência da instituição, interligando o Parque Nacional de Ilha Grande em Guaíra ao Parque Nacional do Iguaçu em Foz do Iguaçu. “O principal objetivo é o desenvolvimento da região através da atividade turística aliado a conservação do meio ambiente. O projeto também conta com o patrocínio da Fundação Grupo Boticário. Quatro roteiros fazem parte do projeto como um todo, sendo eles, Rota da Fé, Caminho Coluna Prestes, Rota dos Pioneiros e Caminhos do Peabiru”, destaca.

O prefeito de Medianeira, Antônio França Benjamim, esteve acompanhando os trabalhos de sinalização. “Esse projeto coloca em destaque nosso município e também os demais municípios, melhora a economia local dando a condição para que essa vocação que o município tem que é o turismo rural e o turismo religioso atraia pessoas, investimentos, recursos e melhora a economia do município. São 36 quilômetros de aventura, paisagens lindas, fé e emoção”, ressalta.

Segundo a secretária municipal de Desenvolvimento Econômico de Medianeira, Marcia Hanzen, a sinalização rústica implantada no município segue rigorosamente a metodologia da Rede Brasileira de Trilhas. “Queremos estimular que empreendimentos ao longo do caminho se desenvolvam na atividade turística e passem a fazer parte do contexto do turismo regional como Medianeira hoje está sendo referência nesse projeto”, finaliza.

MEDIANEIRA

Deixe um comentário