Sperafico se destaca pela atuação em Frentes e Comissões do Congresso

0 225

O deputado federal Dilceu Sperafico (Progressistas) vem se destacando como um dos parlamentares mais atuantes no Congresso Nacional. Sperafico, que integra importantes comissões e grupos temáticos de trabalho, tem se consolidado como uma figura central em debates fundamentais para o país.

Em seu sétimo mandato na Câmara dos Deputados, o parlamentar desempenha papel crucial nas discussões sobre a produção nacional e o produtor rural na condição de titular, e um dos mais atuantes, na Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (CAPADR), umas das mais importantes da Casa e que já foi presidida por Sperafico em 1999, 2000 e 2018. Além disso, Sperafico também integra a Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional (CREDN) como suplente.

“Participar das Comissões e Frentes Parlamentes do Congresso é exercer o papel de porta-voz e defensor dos interesses de vários setores da nossa sociedade.”

GRUPOS TEMÁTICOS – Sperafico ainda se destaca por sua participação em 24 Frentes Parlamentares e Grupos Temáticos de Trabalho do Congresso Nacional, o que reflete seu compromisso com uma ampla gama de assuntos que afetam diretamente a população brasileira.

Entre as frentes em que se envolve mais ativamente, destacam-se a Frente Parlamentar Mista da Aquicultura e Pesca, a Frente Parlamentar em Apoio ao Produtor de Leite, a Frente Parlamentar Mista de Logística e Infraestrutura (Frenlogi), a Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop) e a Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA). Essa última, fundada com sua significativa participação no ano de 1995 e, posteriormente, presidida por Sperafico nos anos de 1990 e em 2005.

“É uma honra poder representar meu estado e contribuir ativamente para as discussões que impactam diretamente a vida dos cidadãos brasileiros. Minha dedicação é para promover o desenvolvimento regional e nacional e garantir o progresso em diversas áreas, incluindo agricultura, pecuária, infraestrutura e saúde pública”, afirmou Sperafico.

Por Clóvis Pedrini Jr.

TOLEDO

Deixe um comentário