Dia do Arquiteto e Urbanista: classe importante no progresso das cidades

Na data de 15 de dezembro é comemorado o Dia do Arquiteto e Urbanista. Ela consta do calendário oficial brasileiro desde o ano de 2018 – instituída pela Lei 13.627/2018 – e visa promover a valorização profissional da classe e enaltecer a importância dessa profissão para o progresso da sociedade.

“Esta data comemorativa é o reconhecimento da nossa profissão, mostrando à comunidade o quanto nossos serviços vêm para melhorar a qualidade de trabalho e vida a todos”, destaca a arquiteta e urbanista e coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Paranaense (Unipar), campus Toledo, Cinthia Thiesen Otani.

Para a profissional, a classe dos arquitetos e urbanistas possui a responsabilidade que é prover a construção das moradias, bem como, o planejamento das cidades. Dessa forma, esses profissionais possuem uma intensa atuação na organização do espaço nacional e seu progresso.

“Quem conhece o que a arquitetura pode fazer, seja melhorando nosso local de trabalho, nossa casa ou nossas cidades, valoriza esse profissão. Para a classe também é fundamental buscarmos a atualização contínua com cursos de pós-graduação, mestrados e doutorados. Essas atualizações acontecem também em parceria com empresas parceiras em estudos técnicos”, aponta Cinthia.

UM ANO DE DESAFIOS – Na avaliação da profissional, neste ano de 2020, o desafio foi atender os pequenos anseios de quem esteve em casa e percebeu o quanto a arquitetura influencia no cotidiano. Ela destaca que a construção é algo planejado e em longo prazo, além disso, é um bem durável que tende a valorização e, por isso, as pessoas investem.

“A pandemia nos afetou positivamente. A construção civil não foi afetada e sim teve crescimento considerável. 2021 vem aí para dar sequência no que 2020 nos mostrou: que ficar em casa pode ser muito gratificante. Cada um olhou para seu canto com mais carinho e pensou como melhorá-lo. O home office veio para desestabilizar o conceito de casa somente como moradia e foi preciso adaptar”, enfatiza ao parabenizar os profissionais pela data.

Da Redação